Arquivo de Tags | "show sp"

Tags: , , , , , ,

Jon Anderson, a voz do Yes, se apresenta no Citibank Hall em São Paulo

Publicado em 6 de dezembro de 2011 por Rodrigo Santos

Jon Anderson

Jon Anderson, vocalista do lendário grupo Yes e um dos nomes mais importantes do rock progressivo dos anos 1960 e 1970, vem ao Brasil para única apresentação no Citibank Hall, em São Paulo, no dia 13 de dezembro.

Dono de sucessos como Close to the Edge, I’ve Seen All Good People e Owner of a Lonely Heart como vocalista do Yes, Anderson vendeu mais de 50 milhões de discos no mundo todo e se tornou um dos símbolos das décadas de 1960 e 1970.

O músico traz a São Paulo o intimista show “A Voz do Yes”, onde Jon interpreta – sozinho, acompanhado somente de um violão ou um teclado – grandes sucessos compostos durante sua inesquecível época de Yes e em sua carreira solo.

SERVIÇO: JON ANDERSON, A VOZ DO YES, SE APRESENTA NO CITIBANK HALL EM SÃO PAULO
Data: 13 de dezembro de 2011
Hora: 21h30
Local: Citibank Hall SP (Av. Jamaris, 213 – Moema – São Paulo – SP – fone 11.4003.5588)

Mais informações acesse: www.ticketsforfun.com.br.

Comentários (0)

Tags: , , , , , , ,

Via Funchal apresenta: Rock Show o Musical

Publicado em 23 de junho de 2010 por Rodrigo Santos

Em comemoração ao aniversário de 9 anos da Rádio Kiss FM

Completa-se mais um ano na Kiss FM, de quase uma década de muito rock’n’roll. Para comemorar seu aniversário, que acontece no dia 13 de julho, não por acaso também o Dia Mundial do Rock, a emissora escolheu um espetáculo diferente e moderno para essa celebração. No dia 17 de julho, na Via Funchal, em São Paulo, a rádio promove o musical Rock Show, que conta a história do ritmo que revolucionou gerações, com a participação de 53 artistas.

O espetáculo, dirigido por Hudson Glauber e com supervisão de Wolf Maya, mostra uma retrospectiva musical de grandes sucessos do rock’n roll dos maiores ídolos do gênero, que influenciaram gerações. No elenco, os atores-cantores Leilah Moreno, Vanessa Jackson, Kelly Moore, Nando Fernandes, entre outros.

A produção do evento revela que o Rock Show é um musical moderno e interativo, que diversifica as formas de fazer rock a partir do sapateado, jazz, performances, percussão, entre outras formas de expressão. Os atores, bailarinos e músicos ficam espalhados pelo palco, como se fossem operários construindo um novo conceito de música, em andaimes e no chão, criando sons dos objetos que compõe o cenário e até mesmo do próprio corpo. Os artistas se comunicam através da música e da movimentação corporal apenas. As percussões surgem a partir dos movimentos e de situações inusitadas.

Rock Show faz uma reflexão a partir de dois elementos principais: um galpão que está sendo revitalizado e a música. A proposta do espetáculo, segundo eles, é de trazer de volta aos palcos músicas dos tempos áureos do rock.

O cenário do Rock Show é rústico, representando um galpão que está sendo revitalizado, com muito aço, metal, ferramentas de trabalho, um carro inacabado, barras de ferro, andaimes e escadas. No palco, janelas com vidros quebrados, tijolos, neons, grades, arames farpados, latão, objetos de ferro-velho e outros elementos que serão usados para percussão, bem como iluminação para cada música, dando um efeito interessante para o espectador. Um telão será usado no fundo do palco durante o espetáculo para dar ardamento ao musical através de um personagem virtual e onde serão passadas imagens relacionadas às músicas que forem tocadas.

SERVIÇO: VIA FUNCHAL APRESENTA ROCK SHOW O MUSICAL

Data: 17 de julho de 2010
Horário: 22h
Censura: livre

PREÇO DOS INGRESSOS:

Platéia VIP: R$ 200,00
Platéia Premium: R$ 180,00
Platéia 1: R$ 150,00
Platéia 2: R$ 100,00
Mezanino Central (Impar): R$ 150,00
Mezanino Lateral (Impar): R$ 100,00

VENDA DE INGRESSOS:

Bilheterias da Via Funchal: Segunda-feira a Domingo das 12h às 22h
Vendas Online: http://viafunchal.showare.com.br/
Ingressos para grupos: http://www.viafunchal.com.br/ingressos_grupos.asp
Vendas por telefone: (11) 3897-4456 / 3188-4148

PONTOS DE VENDA:

Newness (Livros e Revistas): Av. Yojiro Takaoka, 4528 – Loja 02 – La Ville Mall – Alphaville – Santana do Parnaíba
Fujji Turismo – Rua Tapajós 33C – Guarulhos – SP (Paralela com Av. Paulo Faccini) – Fone (11) 6441-9272
Somente cartões de crédito (Mastercard, Diners e VISA)
Taxa de conveniência: 18%
Obs.: Informações sobre ingressos de estudantes: http://www.viafunchal.com.br/meiaentrada.asp.

Comentários (0)

Tags: , , , , , , ,

Via Funchal apresenta ZZ Top

Publicado em 30 de abril de 2010 por Rodrigo Santos

ZZ Top na Via Funchal

ZZ Top é uma banda de rock dos Estados Unidos que destacou-se entre as décadas de 70 e 80, e são naturais de Houston, Texas. Os membros da banda são: Billy Gibbons (vocal e guitarra), Dusty Hill (vocal e baixo) e Frank Beard (bateria).

Com um som de guitarra distinto e as letras satíricas (muitas delas a respeito de lugares e eventos de sua terra natal, o Texas) a banda provavelmente se destaca pelo seu visual diferente. Gibbons e Hill sempre são fotografados com óculos escuros, utilizando sobre-tudo e barbas gigantescas, o que torna esta combinação sua marca registrada. Frank Beard (Beard significa barba, em inglês), ironicamente não tem barba. Em 1984, a empresa Gillette ofereceu a Gibbons e Hill 1 milhão de dólares, para que eles aparecessem sem barbas em um comercial mas eles recusaram. Na época de George W. Bush como governador do estado do Texas, criou o dia do ZZ Top.

O ZZ Top surgiu em 1969, no Texas. A formação original veio da banda The Moving Sidewalks, formada por Billy Gibbons (guitarra), Lanier Greig (baixo) e Dan Mitchell (bateria). Lanier Greig foi demitido e em seu lugar entrou Bill Ethridge. O próximo a sair foi Dan Mitchell, substituído por Frank Beard que veio da banda American Blues. E pouco tempo depois Bill Ethridge saiu e entrou Dusty Hill que também veio da banda American Blues.

Com esta formação que dura até hoje, em Janeiro de 1971, o ZZ Top lançou o primeiro álbum: ZZ Top’s First Album basicamente blues. Em Abril de 1972 lançou o segundo álbum: Rio Grande Mud que trouxe o primeiro hit da banda, a música: “Francine”, e também destaque para a “Chevrolet”.

Toda a excelência do ZZ Top está no álbum que é o clássico do trio: Tres Hombres, destaque para as faixas: “La Grange”, “Beer Drinkers & Hell Raisers” e “Hot, Blue & Righteous” lançado em Julho de 1973. É com ele que a banda conquistou seu primeiro disco de platina.

Em Abril de 1975 lançou Fandango! um álbum metade ao vivo e metade de estúdio vendendo sem muito esforço um milhão de cópias.

O quinto álbum, Tejas é lançado em Fevereiro de 1977, mas não consegue manter o nível dos discos anteriores e a banda decide parar por um tempo. Em Março de 1977, foi lançado a primeira coletânea: The Best of ZZ Top.

Durante as férias, Gibbons e Hill deixaram crescer espantosamente suas barbas e, em Agosto de 1979, lançaram: Degüello com uma versão de “Dust My Broom” de Elmore James e “I Thank You” de Isaac Hayes, considerado um dos melhores álbuns da banda.

Dois anos depois, com a chegada dos anos 80, em Novembro de 1981 é lançado: El Loco com um som diferente usando a tecnologia que se tornaria característica do ZZ Top. Logo depois, saiu um dos álbuns mais vendidos da história do rock e o mais bem sucedido da carreira do trio, lançado em Março de 1983, Eliminator vendeu mais de 11 milhões de cópias só nos Estados Unidos. Nessa mesma época entrava em cena um ícone visual da banda um Hot Rod Ford Coupe de 1933 totalmente turbinado que aparece nos videoclipes dos hits: “Gimme All Your Lovin'”, “Sharp Dressed Man” e “Legs”.

Em 28 de Outubro de 1985 foi lançado Afterburner, que não vendeu tanto quanto o antecessor, mas teve sucesso.

Em Janeiro de 1987, é lançado um box: Six Pack, contendo os primeiros álbuns: “ZZ Top’s First Album”, “Rio Grande Mud”, “Tres Hombres”, “Fandango!”, “Tejas” e “El Loco”.

Em seguida, a banda decide tirar férias novamente voltando em Março de 1990 com Recycler que teve sucesso no velho continente, principalmente na Inglaterra. Ainda em 1990 a banda grava a música “Doubleback” para o filme De Volta Para O Futuro III.

Em Abril de 1992 foi lançado uma coletânea com os maiores sucessos: ZZ Top Greatest Hits e conseguem um contrato com a RCA.

Com a nova gravadora, lançam o álbum que promoveu uma volta às raízes: Antenna lançado em janeiro de 1994. Em Novembro do mesmo ano, o ZZ Top lançou uma coletânea de blues, One Foot In The Blues.

Em Setembro de 1996, foi lançado Rhythmeen mais pesado que os antecessores. Três anos depois, em Setembro é lançado o álbum justamente para comemorar o 30º aniversário da banda: XXX.

Em Abril de 2003, foi lançado o último álbum de estúdio dos texanos: Mescalero.

No mesmo ano, em Outubro é lançada uma coletânea quadrupla: Chrome, Smoke & BBQ com algumas músicas da antiga banda The Moving Sidewalks. E em 2004 foi lançada uma coletânea dupla: Rancho Texicano: The Very Best of ZZ Top. E um DVD foi lançado no mesmo ano: ZZ Top Greatest Hits contendo todos os videoclipes da carreira da banda.

Em 24 de Junho de 2008, foi lançado o primeiro DVD ao vivo do ZZ Top: Live From Texas gravado em 1 de Novembro de 2007 no Nokia Theatre na cidade de Dallas. E no mesmo ano, é lançado o CD Live From Texas do mesmo DVD.

Em 15 de Outubro de 2009 foi lançado um segundo DVD duplo ao vivo do ZZ Top: Double Down Live 1980-2008. O primeiro disco trás o show gravado no Grugahalle, em Essen, Alemanha para o programa de TV Rockpalast em 1980. O segundo disco trás shows durante a turnê européia em 2008, com apresentações e entrevistas de bastidores.

Essa é a primeira vez que o trio se apresenta na América do Sul.

SERVIÇO: VIA FUNCHAL APRESENTA ZZ TOP

Data: 20 e 21 de maio de 2010
Horário: 22h
Censura: 12 anos

PREÇO DOS INGRESSOS:

Setor
Preço (R$)
Pista Premium (em Pé): R$ 300,00
Pista: R$ 200,00
Mezanino: R$ 250,00
Camarote: R$ 300,00

Show extra

Platéia VIP: R$ 500,00
Platéia Premium: R$ 400,00
Platéia 1: R$ 300,00
Platéia 2: R$ 200,00
Mezanino Central: R$ 350,00
Mezanino Lateral: R$ 300,00
Camarote: R$ 400,00

VENDA DE INGRESSOS:

Bilheterias da Via Funchal: Segunda-feira a Domingo das 12h às 22h
Vendas Online: http://viafunchal.showare.com.br/
Ingressos para grupos: http://www.viafunchal.com.br/ingressos_grupos.asp
Vendas por telefone: (11) 3897-4456 / 3188-4148

PONTOS DE VENDA:

Newness (Livros e Revistas): Av. Yojiro Takaoka, 4528 – Loja 02 – La Ville Mall – Alphaville – Santana do Parnaíba
Fujji Turismo – Rua Tapajós 33C – Guarulhos – SP (Paralela com Av. Paulo Faccini) – Fone (11) 6441-9272
Somente cartões de crédito (Mastercard, Diners e VISA)
Taxa de conveniência: 18%
Obs.: Informações sobre ingressos de estudantes: http://www.viafunchal.com.br/meiaentrada.asp.

Comentários (0)

Tags: , , , , , , , , ,

Via Funchal apresenta Iced Earth

Publicado em 26 de janeiro de 2010 por Rodrigo Santos

Banda de heavy metal que combina elementos de thrash metal, power metal e metal progressivo.

Em 1985, o guitarrista Jon Schaffer montou a banda The Rose, na cidade de Indianápolis. Em 1988 Jon mudou o nome de sua banda para Iced Earth, com o objetivo de acabar com uma duplicidade de nomes que existia no mercado. Dois anos depois, assinou um contrato com a Century Media e logo lançou seu debut que trazia o mesmo nome da banda. Quando voltaram ao estúdio com as composições para o álbum, se tornou óbvio que algumas mudanças na banda deveriam ser feitas. O Iced Earth lançou “Night of the Stormrider” exatamente 12 meses depois de seu primeiro trabalho. O álbum foi recebido com um sucesso imediato, sendo um grande passo para a banda e tornou-se o álbum mais vendido.

Mais tarde, mesmo com mudanças na formação da banda e problemas com a gravadora, em 1995 foi lançado “Burnt Offerings”. Os tempos difíceis se refletiram na música e o resultado foi um álbum tão obscuro quanto amargo. Após a turnê, o Iced Earth se lançou em um álbum conceitual, que colocou nas lojas em 1996: “The Dark Saga” trouxe a crítica de volta para o lado da banda e um problema de saúde sério para Jon Schaffer, que quebrou três vértebras de seu pescoço durante a turnê.

O Iced Earh lançou uma série de trabalhos de estúdio bem sucedidos como “Something Wicked This Way Comes” (1998), “Horror Show” (2001), e o tributo “Tribute To the Gods” (2001).

Após os atentados de 11 de Setembro de 2001, o vocalista Matthew Barlow começou a pensar na vida e no que poderia fazer de útil tanto a si próprio como para o seu país. Ele queria voltar a estudar e se graduar em Direito Civil. Jon, que já havia divulgado uma data de lançamento do novo álbum e fechado um grande show no Wacken Open Air 2003, acabou mudando os planos e cancelando todos os compromissos com a banda para aquele ano, fazendo com que milhares de fãs ficassem ainda mais tristes.

Já com o novo vocalista anunciado, Tim Ripper Owens, a gravadora resolveu lançar um single para a faixa “The Reckoning” em Novembro de 2003, com 4 faixas, para ir matando a curiosidade dos fãs que tanto esperavam ansiosamente pelo retorno da banda com seu novo álbum, “The Glorious Burden”. O disco agrada os fãs e Owens sai em turnê com a banda. Pouco tempo depois, mais uma baixa: o baterista Richard Christy decide se dedicar a sua carreira de comediante no rádio e é substituído por Bobby Jarzombek. Para muitos era como um sonho poder ver Tim cantando no Iced Earth, devido a sua incrível voz, mas para outros o “fantasma” de Matthew Barlow sempre ficaria vagando a cada audição do novo álbum da banda. Ainda em 2004 o Iced Earth solta a coletânea dupla “The Blessed and the Damned”, com 23 faixas remasterizadas de todas as fases da vitoriosa carreira da banda.
Após sair do Iced Earth, Barlow tornou-se um oficial de polícia em Georgetown. Ele também tornou-se o vocalista da banda First State Force Band, que era composta de oficiais de polícia de vários departamentos do estado de Delaware. A banda se apresentava em escolas pregando ideais como “diga não às drogas”, “fique longe da violência” e “respeite seus pais, professores, a si próprios e a vida”. Em 13 de abril de 2007 Barlow voltou à música em tempo integral como o vocalista da banda dinamarquesa Pyramaze. Por fim, em dezembro de 2007 Jon Schaffer anuncia no site oficial da banda o retorno de Matthew Barlow aos vocais da banda e na sequência, lançam “The Crucible of Man”, a última parte da trilogia”Something Wicked”.

FORMAÇÃO ATUAL

Jon Schaffer (Guitarra e Vocal)
Matthew Barlow (Vocal)
Brent Smedley (Bateria)
Troy Seele (Guitarra)
Freddie Vidales (Baixo)

SERVIÇO: VIA FUNCHAL APRESENTA ICED EARTH

Data: 06 de fevereiro de 2010
Horário: 22h00
Censura: 12 anos

PREÇO DOS INGRESSOS:

Pista: R$ 120,00
Mezanino: R$ 200,00
Camarote: R$ 250,00

VENDA DE INGRESSOS:

Bilheterias da Via Funchal: Segunda-feira a Domingo das 12h às 22h
Vendas Online: http://viafunchal.showare.com.br/
Ingressos para grupos: http://www.viafunchal.com.br/ingressos_grupos.asp
Vendas por telefone: (11) 3897-4456 / 3188-4148

PONTOS DE VENDA:

Newness (Livros e Revistas): Av. Yojiro Takaoka, 4528 – Loja 02 – La Ville Mall – Alphaville – Santana do Parnaíba
Fujji Turismo – Rua Tapajós 33C – Guarulhos – SP (Paralela com Av. Paulo Faccini) – Fone (11) 6441-9272
Somente cartões de crédito (Mastercard, Diners e VISA)
Taxa de conveniência: 18%
Obs.: Informações sobre ingressos de estudantes: http://www.viafunchal.com.br/meiaentrada.asp.

Comentários (0)

Tags: , , , , , , , , ,

Via Funchal apresenta The Original Wailers

Publicado em 28 de dezembro de 2009 por Rodrigo Santos

A banda jamaicana de volta ao Brasil cantando os maiores sucessos do rei do reggae, Bob Marley.

The Original Wailers

The Original Wailers na Via FunchalO grupo jamaicano The Original Wailers, que teve como fundadores Bob Marley e Peter Tosh, volta ao Brasil em janeiro para uma turnê em várias cidades brasileiras. Em São Paulo o grupo se apresenta na Via Funchal no dia 27/01.

Atualmente comandado por Junior Marvin e Al Anderson , membros da formação original que acompanhou Bob Marley até sua morte em 1981, o The Original Wailers é considerado como um dos mais importantes e influentes grupos da história do Reggae.

O público poderá reviver grandes clássicos como I Shot The Sheriff, Could You Be Love, Get Up Stand Up, Is This Love e Redemption Song, músicas que evocam o mais puro reggae e personificam seu mestre e criador Bob Marley.

Ao longo dos 40 de anos de existência, Bob Marley and The Wailers venderam mais de 250 milhões de cópias alçando a banda como referência mundial no cenário da música reggae.

Muitos dos lendários músicos de Bob Marley juntaram-se com o título de “The Original Wailers”, e foram esses consagrados músicos que construíram para Marley a plataforma de uma explosiva mistura de Roots, Rock and Reggae, trazendo ao público a magia e o compromisso ainda presentes através de todos esses anos.

O tecladista Earl “Wya” Lindo juntou-se aos Wailers primeiramente com Peter Tosh e Bunny Wailer em 1973, quando os Wailers debutavam seu primeiro disco pela Island Records, Catch a Fire. “Wya” participou de gravações clássicas de Bob, Peter e Bunny, assim como das sessões dos Abyssinians, Dennis Brown e muitos outros, incluindo o bluesman Taj Mahal.

O guitarrista americano Al Anderson juntou-se aos Wailers um ano depois, um pouco antes do Natty Dread se tornar o primeiro álbum de sucesso de Bob Marley and The Wailers nos Estados Unidos. Al gravou hits de sucesso como “No Woman no Cry” que chamou a atenção dos fãs de rock para a música dos Wailers, e cedeu algumas canções a Marley durante sua carreira internacional. Ele tocou com Peter Tosh, James Brown, Traffic, Ben Harper e Lauryn Hill.

Bob Marley incorporou o cantor e guitarrista Junior Marvin nos Wailers durante as sessões de gravação dos discos Exodus e Kaya, um pouco antes das apresentações no London’s Rainbow Theatre em 1977. Seus solos em faixas como “Waiting In The Vain”, “The Heathen” e “Jammin” o perpetuaram, classificando-o como um dos mais talentosos músicos de reggae de todos os tempos. Exodus foi o primeiro disco de Junior com Marley and The Wailers e foi eleito “O melhor disco do século 20” pela Time Magazine. Junior também tocou com Ike & Tina Turner, Steve Winwood, Stevie Wonder, Toots & the Maytals, e recentemente com OAR.

Junior, Al and Wya excursionaram e gravaram com Marley até a sua morte em 1981. Isso os coloca entre os poucos e raros como também os únicos e verdadeiros representantes de seu legado que eles próprios ajudaram a construir. Agora The Original Wailers, com Junior Marvin nos vocais principais, prometem recriar uma história musical ao mesmo tempo em que espalham a mensagem de “One Love”.

SERVIÇO: VIA FUNCHAL APRESENTA THE ORIGINAL WAILERS

Data:27 de janeiro de 2010
Horário: 22h00
Censura: 12 anos

PREÇO DOS INGRESSOS:

Pista: R$ 100,00
Mezanino: R$ 140,00
Camarote: R$ 180,00

VENDA DE INGRESSOS:

Bilheterias da Via Funchal: Segunda-feira a Domingo das 12h às 22h
Vendas Online: http://viafunchal.showare.com.br/
Ingressos para grupos: http://www.viafunchal.com.br/ingressos_grupos.asp
Vendas por telefone: (11) 3897-4456 / 3188-4148

PONTOS DE VENDA:

Newness (Livros e Revistas): Av. Yojiro Takaoka, 4528 – Loja 02 – La Ville Mall – Alphaville – Santana do Parnaíba
Fujji Turismo – Rua Tapajós 33C – Guarulhos – SP (Paralela com Av. Paulo Faccini) – Fone (11) 6441-9272
Somente cartões de crédito (Mastercard, Diners e VISA)
Taxa de conveniência: 18%
Obs.: Informações sobre ingressos de estudantes: http://www.viafunchal.com.br/meiaentrada.asp.

Comentários (0)

Tags: , , , , , , , , ,

Via Funchal apresenta Eagle Eye Cherry

Publicado em 10 de dezembro de 2009 por Rodrigo Santos

Eagle Eye Cherry em São Paulo na Via Funchal

Um dos nomes mais respeitados do pop internacional, o cantor e compositor sueco/norte-americano Eagle-Eye Cherry volta a se apresentar na Via Funchal. Nascido em Estocolmo no ano de 1971, Eagle-Eye é filho do excepcional trompetista de jazz Don Cherry e irmão da cantora Neneh Cherry.

Eagle-Eye e a irmã tiveram uma infância que pode ser chamada de nômade. Acompanhavam o pai nas turnês por todo o mundo, o que deu a eles uma enorme vivência cultural. Aos doze anos passou a estudar numa escola de artes em Nova York, onde desenvolveu as habilidades musicais e também de arte dramática.

O primeiro destaque profissional da carreira de Eagle-Eye Cherry se deu como ator em 1993, quando estrelou uma série da NBC de curta duração, South Beach. Foi o suficiente para que seu nome passasse a ser conhecido. Daí para a estabilização de uma carreira musical, foi um pulo. Em 1996 retornou à Suécia para compor as canções de Desireless, seu primeiro álbum, que foi lançado em 1998 e estourou em todo o mundo puxado pela canção Save Tonight. “Aquele disco foi fruto de muita terapia, vi que necessitava fazer um som básico, sem excessos, calcado em violões”, relembra. Desireless tornou Eagle-Eye Cherry um nome de destaque na cena do pop/rock.

Em 2000 veio o segundo álbum, Living In The Present Future, com produção de Rick Rubin (que fez também discos de Metallica, Linkin Park, Red Hot Chilli Peppers, Beastie Boys, Slayer, Johnny Cash, Shakira, entre outros) e que teve como destaques Long Way Around (dueto com Neneh Cherry) e Are You Still Having Fun?. “Foi um disco gravado praticamente ao vivo no estúdio, a produção foi feita após dois anos e meio de turnê. Estava com muita energia”. Depois desse vieram os discos Present/Future (2001), Sub Rosa (2003) e Live And Kicking (2007), este gravado ao vivo e trazendo um resumo da carreira.

Eagle-Eye Cherry é um criador de grandes canções. Fala ao mesmo tempo de amor e faz observações certeiras e por vezes ácidas da vida cotidiana. Bom melodista, letrista de qualidade e cantor de belo timbre, possui enorme empatia com o público. Está constantemente em turnê.. Um show que vale a pena ser conferido.

SERVIÇO: VIA FUNCHAL APRESENTA EAGLE EYE CHERRY

Data: 21 de janeiro de 2010
Hora: 21h30
Classificação etária: 12 anos

PREÇO DOS INGRESSOS:
Pista 1º Lote: R$ 100,00
Mezanino: R$ 140,00
Camarote: R$ 200,00

VENDA DE INGRESSOS:
Bilheterias da Via Funchal: Segunda-feira a Domingo das 12h às 22h
Vendas Online: http://viafunchal.showare.com.br/
Ingressos para grupos: http://www.viafunchal.com.br/ingressos_grupos.asp
Vendas por telefone: (11) 3897-4456 / 3188-4148

PONTOS DE VENDA:
Newness (Livros e Revistas): Av. Yojiro Takaoka, 4528 – Loja 02 – La Ville Mall – Alphaville – Santana do Parnaíba
Fujji Turismo – Rua Tapajós 33C – Guarulhos – SP (Paralela com Av. Paulo Faccini) – Fone (11) 6441-9272
Somente cartões de crédito (Mastercard, Diners e VISA)
Taxa de conveniência: 18%
Obs.: Informações sobre ingressos de estudantes: http://www.viafunchal.com.br/meiaentrada.asp.

Comentários (0)

Tags: , , , , , , , , , ,

Via Funchal apresenta God Save the Queen – The Queen Tribute

Publicado em 13 de novembro de 2009 por Rodrigo Santos

“Deus do céu! São tão bons quanto os reais!” (Phil Murphy, Queen tour manager)

“A melhor banda em homenagem ao Queen que já vi na minha vida. Algo que nenhum fã do grupo deveria deixar de ver, não se pode perder!” (Jack Smith- Queen World Fan Club)

Queen Tribute - God Save The QueenSer uma boa banda especializada em músicas do Queen, um dos grupos fundamentais da história do rock, já não é algo muito fácil. Imagine então fazer isso e ser considerada uma das melhores do mundo nessa praia. Esse é o status do God Save The Queen, grupo argentino que se dedica a reviver a magia da banda britânica que tinha como líder o carismático cantor, compositor e músico Freddie Mercury. Eles se apresentarão ao vivo na Via Funchal no dia 28 de novembro , e chegam aqui com um currículo invejável.

O início foi em 1998 em Rosário, Argentina, quando Pablo Padim, Francisco, Matias e Ezequiel resolveram montar um grupo que não reverenciasse o Queen apenas no visual, mas, principalmente, na parte sonora. Eles literalmente mergulham de cabeça na sonoridade do quarteto, reproduzindo com garra e personalidade aquelas canções inesquecíveis que ultrapassaram gerações e continuam atuais.

Se o cantor Pablo é de fato muito parecido com Mercury e Francisco possui uma réplica idêntica da célebre guitarra Red Special, marca registrada do guitarrista Brian May, é a combinação de som, imagem e presença de palco que fazem o God Save The Queen uma banda que vai além de apenas representar o grupo britânico que de 1973 a 1991 reinou nas paradas de sucesso de todo o planeta.

Em 2006, por exemplo, o God Save The Queen tocou em Montreux, onde fica a estátua de Freddie Mercury que aparece na capa do CD Made In Heaven. O evento era o Freddie Mercury Memorial, e o grupo argentino mereceu elogios de Jer Bulsara, mãe do cantor. Peter Freestone, secretário pessoal de Mercury, também não poupou palavras positivas para eles. O quarteto já tocou perante platéias comparáveis às encaradas pelo Queen original, com até 25 mil pessoas presentes, e sempre se deram bem. Tocaram em diversos países da América Latina e Europa, mergulhando com devoção e talento no repertório de Freddie Mercury, Brian May, John Deacon e Roger Taylor.

SERVIÇO: VIA FUNCHAL APRESENTA GOD SAVE THE QUEEN – THE QUEEN TRIBUTE

Data:28 de novembro de 2009
Horário: 22h00
Censura: 12 anos

PREÇO DOS INGRESSOS:

Platéia VIP: R$ 220,00
Platéia Premium: R$ 180,00
Platéia 1: R$ 120,00
Platéia 2: R$ 80,00
Mezanino Central: R$ 120,00
Mezanino Lateral: R$ 100,00
Camarote: R$ 180,00

VENDA DE INGRESSOS:

Bilheterias da Via Funchal: Segunda-feira a Domingo das 12h às 22h
Vendas Online: http://viafunchal.showare.com.br/
Ingressos para grupos: http://www.viafunchal.com.br/ingressos_grupos.asp
Vendas por telefone: (11) 3897-4456 / 3188-4148

PONTOS DE VENDA:

Newness (Livros e Revistas): Av. Yojiro Takaoka, 4528 – Loja 02 – La Ville Mall – Alphaville – Santana do Parnaíba
Fujji Turismo – Rua Tapajós 33C – Guarulhos – SP (Paralela com Av. Paulo Faccini) – Fone (11) 6441-9272
Somente cartões de crédito (Mastercard, Diners e VISA)
Taxa de conveniência: 18%
Obs.: Informações sobre ingressos de estudantes: http://www.viafunchal.com.br/meiaentrada.asp.

Comentários (0)

Tags: , , , , , , , , , ,

Comunicado Via Funchal – Show da cantora Toni Braxton foi adiado

Publicado em 7 de agosto de 2009 por Rodrigo Santos

toni braxton

Reembolso dos ingressos adquiridos para o show “Toni Braxton”

O reembolso do pagamento pela aquisição dos ingressos iniciou-se no dia 06 de agosto, nas bilheterias da Via Funchal:

Endereço: Rua Funchal, 65, Vila Olímpia, São Paulo – SP
Horário de funcionamento: de segunda a domingo, das 12h00 às 22h00.

Essa orientação é valida para ingressos adquiridos nos seguintes canais de venda:

• Bilheterias
• Pontos de venda
• Call center
• Site Via Funchal (ingressos já retirados)

Importante: ingressos adquiridos através do site Via Funchal e não que não foram retirados já estão tendo seus pedidos cancelados junto as administradoras dos cartões de crédito. O prazo para que o cliente identifique em sua fatura o cancelamento da compra é de 09 a 10 dias úteis, em média.

Mais informações acesse: www.viafunchal.com.br.

Comentários (0)