HSBC Brasil apresenta Kool & The Gang

Publicado em 16 de abril de 2011 por Rodrigo Santos

Kool & The Gang 2011

Festa do Programa OXYDANCE – Venha dançar e se divertir com a banda que marcou os anos 80

Eles já venderam mais de 70 milhões de álbuns em todo o mundo e influenciaram a música de três gerações. Graças a canções como Celebration, Cherish, Jungle Boogie, Summer Madness e Open Sesame, ganharam dois Grammy Awards, sete American Music Awards, vinte e cinco Top Ten R & B hits, nove Top Ten hits pop, e 3 álbuns de ouro e platina. A banda Kool and the Gang exibe estas e outras credenciais na dançante noite prometida para 28 de abril no HSBC Brasil.

Seu funk soul à prova de balas, resistente, com seus arranjos jazzy, fazem do grupo de R&B o mais experimental de todos os tempos. Em 1964 Khalis Bayyan (conhecido como Ronald Bell) e seu irmão, Robert “Kool” Bell, juntaram amigos do bairro na cidade de New Jersey. Robert “Spike” Mickens, Dennis “Dee Tee” Thomas, Ricky Westfield, George BTown, e Charles Smith e criaram uma única mistura musical de jazz, soul e funk. Ao se chamar oThe Iazziacs, eles passaram por vários nomes, The New Dimensions,The Soul Town Band e Kool & The Flames antes de decidirem sua alcunha. Pelos próximos anos, solidificaram sua química musical na inóspita cena musical da East Coast, servindo como abertura para artistas como Bill Cosby, Ritchie Havens e Richard Pryor. Seu álbum auto intitulado “1969”, introduziu de vez uma assinatura sonora instrumental com os arranjos focados nos metais, trazendo o primeiro single a entrar na parada R&B da Billboard com o hit Let The Music Take Your Mind.

Foi a introdução a um tema, a música e sua mensagem, as quais Kool and the Gang são fieis até hoje com seu som característico e o arranjo de sopros feroz criado por Khalis, Dee Tee, e Spike. Em 1970, seu segundo e audacioso álbum “Live At The Sex Machine” alcançou a posição # 6 na Billboard de R & B e rendeu três singles: Funky Man, Who’s Gonna Take The Weight e I Want To Take You Higher. Em seguida vieram The Best Of Kool And The gang featuring The Penguin, Kool And The gang Live at PJ’s, Music Is The Message, e Good Times, que ajudaram a consagrar um som que não apenas empolgou os fãs, mas também a contemporâneos seus como James Brown e Nina Simone.

A reputação estelar da banda crescia a cada álbum, mas foi em 1973 com o disco de ouro Wiid & Peaceful que a banda chegou a um outro nível, impulsionada pelos hinos imortais FunkyStuff, Hollywood Swinging e o hit matador que recebeu platina, Jungle Boogie. Hits como Higher Plane (# 1 R & B) e o clássico Summer Madness (que figuram na trilha sonora vencedora do no Grammy, do filme Rocky – Um Lutador) e os LPs Spirit of the Boogie, Love & Understanding e Open Sesame lançados na sequência. A última faixa deste último álbum citado foi destaque na trilha sonora mais vendida de todos os tempos, Saturday Night Fever (Os Embalos de Sábado à Noite), fazendo com que o grupo ganhasse seu segundo Grammy.

Em 1979, Kool and the Gang revelou um som suave e novo com o Ladies Night. Produzido pelo lendário músico de Pop / Jazz, Eumir Deodato, tornou-se seu primeiro álbum de platina. Foi # 1 na parada de R&B e também atingiu o # 8 na de Pop. Foi seguida por Too Hot (# 3 na parada R&B, e #5 na parada de Pop). Os anos 80 os assistiu dominar o mainstream, começando com o álbum de platina dupla Celebrate (impulsionado pelo sucesso internacional Celebration, que passou seis semanas no topo da parada R & B e se tornou a # 1 na de Pop). Celebration, foi utilizada como tema para a volta dos reféns norte-americanos do Irã e segue sendo utilizada em ocasiões festivas em todo o mundo.

Os sucessos Get Down On It, Take My Heart, I * t’s Go Dancing, Joanna, Tonight, Misled, o hit # 1 R& B, # 2 Pop Cherish e o hino # 1 R& B Fresh (estes três últimos do multi-platinado LP Emergency) consolidou o estrelato internacional do grupo.

O grupo também apóia inúmeras causas beneficentes e foi o único grupo americano a participar do projeto Band Aid no Natal de 1984 “Do They Know lt’s Christmas” para vítimas da fome na África.

Com a explosão do hip-hop na década de 90, Kool And The gang passaram a ser fonte de um incrível catálogo de grooves, sendo os favoritos de DJs, perdendo apenas para o ícone do R&B, James Brown como fonte de samples para a música rap.

Em 2004, The Hits Reloaded fez com que a banda colaborasse com a nova geração do R&B, como Lil ‘Kim, Sean Paul, Ashanti, e Blackstreet, entre outros. Kool and the Gang continua a se apresentar para audiências repletas de novos e velhos fãs ao redor do mundo.

A banda voltou a figurar na parada Billboard de R & B em 2006, com Steppin ‘Into Lave. Em 2006, Kool And The gang recebeu o Prêmio Presidente da Narm (National Association of Recording Merchandisers) pelo conjunto da obra nas vendas de discos.

SERVIÇO: HSBC BRASIL APRESENTA KOOL & THE GANG
Data: 28 de abril de 2011
Hora: 22h
Local: HSBC Brasil (R. Bragança Paulista, 1281 – Chácara Santo Antônio – São Paulo, SP)
Censura: 14 anos (Menores de 14 anos somente acompanhados dos pais ou responsável legal)

Banda convidada: Tempestt

PREÇO DOS INGRESSOS:

Camarote – Meia: R$ 150,00
Frisas – Meia: R$ 100,00
Cadeira Alta – Meia: R$ 75,00
Setor Vip – Meia: R$ 150,00
Setor 01 – Meia: R$ 100,00
Setor 02 – Meia: R$ 75,00
Setor 03 – Meia: R$ 50,00
Camarote: R$ 300,00
Frisas: R$ 200,00
Cadeira Alta: R$ 150,00
Setor Vip: R$ 300,00
Setor 01: R$ 200,00
Setor 02: R$ 150,00
Setor 03: R$ 100,00

Mais informações: www.hsbcbrasil.com.br.

Publicidade:

Deixe seu comentário

Você precisa conectar-se para deixar um comentário.