Com o sucesso do Lavras Folia deste ano, cresce a expectativa pelas comemorações dos 10 anos do evento em 2011

Publicado em 29 de outubro de 2010 por Rodrigo Santos

A receita é infalível: junte milhares de turistas, estudantes e foliões de todos os cantos do país, acrescente boas doses de alegria e descontração, tempere tudo com o melhor da música baiana e aqueça com a receptividade do povo lavrense.. Está pronta a fórmula do sucesso do Lavras Folia, a maior micareta universitária do país, que reuniu na sua nona edição mais de 15 mil pessoas por dia de evento.
O sucesso de mais essa edição da festa cria uma enorme expectativa para as comemorações dos 10 anos do evento, em 2011, quando os micareteiros e todo o Brasil irão brindar uma década de folia na cidade de Lavras, no Sul de Minas.

Mais uma vez, os encontros universitários tiveram destaque especial no evento, com a presença de centenas de caravanas de quase todos os estados brasileiros trazendo estudantes de mais de 400 faculdades de Odontologia, Direito e Medicina.

Os estudantes lotaram as escolas da cidade, que servem de alojamento para as comitivas, além dos hotéis, repúblicas, sítios e até residências particulares, que recebem de braços abertos os visitantes, num frenesi que se repete a cada ano.

Na Associação Atlética Ferroviária, sede dos encontros, shows, jogos, eleição de miss e torneio de touro mecânico foram algumas das atrações durante as tardes. O clima de descontração, a mistura de sotaques e de culturas diversas deu o tom de confraternização geral, uma característica marcante da festa.

Entre as atrações, as bandas La Batuque, Mamonas Cover e Treme Terra, além do cantor Gustavo Duarte, do DJ Rafael, do DJ Micareteiro e da bateria da Escola de Samba Portela, do Rio de Janeiro, puxaram ainda mais pra cima a animação.

Timbalada dita o ritmo na note de abertura

A primeira noite do Lavras Folia foi ao som dos tambores da Timbalada, ancorados pela presença marcante do cantor Denny, que conduziu o público por quase três horas de folia. Pela primeira vez no evento, a banda mostrou o som que nasceu no Candeal, tomou as ruas no carnaval de Salvador e se tornou uma referência de como música e ação social podem andar lado a lado.

Filantropia à parte, o show da Timbalada deu o pontapé inicial da nona edição do Lavras Folia com a força percussiva da música baiana e um repertório que uniu tradição e modernidade, no melhor estilo do carnaval de Salvador.

André Lellis comanda a folia na madrugada de domingo.

Já na madrugada de domingo, André Lellis fechou a primeira noite do Lavras Folia em grande estilo. O cantor assumiu o comando da festa após apresentação da Timbalada e deu show até o dia clarear, com a competência de quem há 15 anos brilha no carnaval de Salvador.

Este foi o segundo ano de André Léllis no evento em Lavras, e pelo jeito ele já conquistou um lugar de destaque junto aos milhares de foliões acostumados a cruzar o país para participar da maior micareta universitária do país. O público cantou e dançou ao som dos hits do cantor, como “Manda um sinal”, “Diz que me ama”, “Morro de São Paulo”, “Ziguinal” e “Amor de Fé”, além, é claro, de sucessos consagrados do carnaval baiano.

O público cantou e dançou ao som dos hits do cantor, como “Manda um sinal”, “Diz que me ama”, “Morro de São Paulo”, “Ziguinal”, e “Amor de Fé”, além, é claro, de sucessos consagrados do carnaval baiano.

Fredd Moura e Katê, do Voa Dois, conquistaram de vez os foliões

Na edição do Lavras Folia de 2009, o Voa Dois já tinha mostrado o porquê de ter sido considerado a revelação do carnaval de Salvador daquele ano. Fredd Moura e Katê simplesmente arrebentaram e saíram consagrados da maior micareta universitária do país.

O sucesso foi tanto que a organização do evento convidou a banda para fazer o show de lançamento da festa deste ano, realizada em maio, no paradisíaco Camuá Eventos; O resultado foi uma loucura, público em êxtase e a dupla de cantores fazendo juras de amor para com o público lavrense.

Natural que o Voa Dois voltasse ao Lavras Folia 2010 com o status de estrela de primeira ordem, e não mais uma novidade no evento. Vitória da competência, talento e simpatia dos músicos..

Mais uma vez o resultado não poderia ter sido outro: Fredd Moura e Katê comandaram a folia em quase três horas de show, contagiando o público na área dos abadás e também nos camarotes.

No final, Katê mandou um recado para o público: “Quero estar aqui no ano que vem para comemorar com vocês os dez anos desta festa maravilhosa que é o Lavras Folia”, disse Katê de cima do trio.

DJ Marlboro trouxe a cena funk para a folia

A segunda noite do Lavras Folia deste ano teve um tempero especial com o funk de DJ Marlboro, um dos pioneiros da cena eletrônica carioca e que tomou o mundo com sua batida inconfundível.

Acompanhada de dançarinas no melhor estilo “batidão”, o artista sacudiu o centro de eventos com uma sessão de tirar o fôlego dos foliões, transformando a arena numa grande pista de dança.

Marlboro deixou o seu recado do alto do trio elétrico reafirmando que não existe fronteiras para a música quando a mesma é feita com competência, qualidade e originalidade, ingredientes marcantes na carreira do DJ.

Alexandre Peixe enlouquece os foliões na manhã da segunda-feira

Alexandre Peixe prometeu e cumpriu: tocou até o sol brilhar alto no céu de Lavras em plena manhã da segunda-feira. A energia era tanta que o cantor chegou a descer para dar a volta no trio em meio aos foliões em total êxtase.

O músico tem uma relação muito próxima com o público do Lavras Folia. Desde que assumiu a carreira de cantor, em 2005, ele esteve presente em todas as edições da festa, numa sintonia que cresce a cada ano, daí o enorme carinho do público para com o seu ídolo.

Peixe iniciou sua apresentação por volta das 5h da manhã, colocando todo mundo para dançar com clássicos da sua carreira e também do carnaval baiano. Entre as novidades do show estava o mais novo sucesso do cantor, “Ela é Total Flex”, lançado nas rádios na semana passada e já entrou na enorme lista de hits de sua carreira.

Asa de Águia empolga o público na sua estreia no Lavras Folia

Foi tudo aquilo que os foliões esperavam. O show do Asa de Águia, que fazia a sua estréia na micareta lavrense, levou o público ao delírio na terceira noite do evento.

Durval Lelys subiu no trio no ínício da madruga desta terça-feira para comandar a festa com um desfile de hits que marcaram as últimas duas décadas de carnaval em Salvador e que acabaram se transformando em sucessos absolutos junto ao público de todo o país.

“Quebra ê”, “Pra lá de Bragada”, “Bota pra ferver”, “Não tem lua”, “Xô Satanás”, “Manivela”, “Salvador”, “Dalino”, “Abalou”, “O Mago”, “Amor de Fé”, “Gênio da Lata” e a recente “Vale Night”, sucesso no carnaval deste ano, foram algumas das músicas do repertório de Durvalino.

O show do Asa de Águia estava cercada de enorme expectativa pela fato da banda ser a última entre os grandes do carnaval baiano a se apresentar na festa, que se prepara para as comemorações de uma década de folia em 2011.

Transmissão ao vivo pela internet teve mais de 20 mil acessos

Uma das grandes novidades deste ano no Lavras Folia foi a transmissão ao vivo do evento pela internet. Durante os três dias de festa os internautas de todo o país e também do exterior puderam acompanhar em tempo real todos os detalhes da festa.

Foram mais de 20 mil acessos durante o evento, que foi o primeiro no Sul de Minas a ser transmitido em tempo real pela rede mundial de computadores. O link gerado pelo site oficial do Lavras Folia foi repetido por dezenas de parceiros, formando uma verdadeira rede da folia mundo afora.

Além de acompanhar tudo o que rolava na festa, os internautas também deixavam seus comentários, participando desta forma do sucesso do evento, que pelo número de acessos demonstrou toda a sua força no circuito de micaretas do país.

Fonte: A.I. Lavras Folia

Publicidade:

Deixe seu comentário

Você precisa conectar-se para deixar um comentário.